FANDOM


Globe.png

A Terra, como vista antes da Operação: Tempestade Sombria.

A Terra (também referida pelos humanos como "O Mundo") é um corpo celeste e, dos oito planetas que orbitam o sol, é o terceiro mais próximo do mesmo. Atualmente é o único ponto conhecido de origem de Humanos e Máquinas no universo. Certa vez foi um próspero lar para bilhões de seres humanos, no entanto tornou-se um imenso deserto árido e estéril que carece de vegetação. Tornou-se inóspito para a habitação humana após as décadas de guerra em curso que começou em torno do início do século XX.

Cronologia Editar

A Terra foi formada por acreção, quando o excesso de matéria prima de sua estrela-mãe começou a aglomerar-se em planetas e luas. Sua crosta de basalto esfriou logo após sua formação e colisão com um protoplaneta conhecido como Theia. Seus gases apareceram através da desgaseificação, onde os vulcões produziram gases voláteis como oxigênio e nitrogênio.

Suas extensas massas de água foram produzidas a partir de cometas e outros corpos ricos em água que caíram em sua superfície. A vida apareceu pela primeira vez através da abiogênese, quando os produtos químicos necessários para a vida começaram a se fundir e, nas condições certas, se transformou na primeira molécula auto-replicante.

A vida proliferou ao longo de bilhões de anos, até a operação de escurecimento do céu na tentativa de bloquear a fonte de energia das Máquinas, o sol. Eventualmente quase toda a vida foi extinta, resultando em uma extinção em massa maior do que a que ocorreu durante o Permiano.

Segunda Renascença Editar

Agora os céus de toda a Terra estão completamente cobertos por nuvens escuras e negras que bloqueiam eternamente a luz do sol. Essas nuvens foram criadas pela humanidade, que tentou bloquear a fonte de energia primária das Máquina através do uso de nanomáquinas que se multiplicavam rapidamente, pulverizadas na alta atmosfera. Com a falta de luz solar, quase toda a vida morreu e o mundo secou, ​​deixando para atrás um gigantesco deserto de aço frio, escuro e com sujeira, detritos e destroços por praticamente toda sua extensão.

Presume-se que todas as grandes cidades da Terra foram destruídas por bombardeios convencionais ou nucleares, ou tornaram-se praticamente inabitáveis ​​ao longo da guerra, mas a inteligência permanece. Uma cidade humana sobreviveu: Zion, localizada em profundas cavernas perto do núcleo do planeta, o único lugar aonde ainda exista para calor e energia.

Zion é mantida no mais absoluto segredo de 01, a Cidade das Máquinas, cujos habitantes não são afetados pela falta de calor ou luz solar, pois a energia necessária que lhes mantem operacionais é derivada, em parte, de várias torres cilíndricas do tamanho de arranha-céus que sustentam a vida de bilhões de seres humanos sinteticamente cultivados e crescidos que são utilizados para a geração de bioeletricidade. As mentes dos seres humanos dentro das usinas de energia estão quase que completamente convencidas de que vivem uma vida normal em algum momento no final do século XX, num mundo virtual neural-interativo conhecido como Matrix.

Locais Editar

Após a Guerra das Máquina e da criação da Matrix:

ScorchedEarthMatrix.jpg

A Terra, após a Operação Tempestade Sombria.

Após a Trégua

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória